09/03/2021 às 12h55min - Atualizada em 09/03/2021 às 12h53min

Proposta cria linhas de crédito para servidores da segurança pública

Empréstimo pessoal e financiamento habitacional estarão limitados a 20 e a 50 vezes a remuneração bruta do servidor, com juros de até 10% ao ano

Janary Júnior - jornalcn.com.br
Agência Câmara Notícias

O Projeto de Lei 513/21 prevê a criação de uma linha de crédito para empréstimo pessoal e de financiamento habitacional para os servidores da segurança pública - policiais em geral, bombeiros militares, guardas civis, agentes penitenciários e membros da Força Nacional de Segurança Pública.

O texto, que tramita na Câmara dos Deputados, é do deputado Pedro Augusto Palareti (PSD-RJ) e prevê ainda prioridade para os servidores aposentados, idosos ou com enfermidades, e para os que moram em regiões de elevado risco de violência urbana.
 

“Precisamos zelar pela vida e integridade dos agentes e suas famílias, pois muitos vivem em regiões dominadas pelo tráfico ou milícia. É fundamental criar mecanismos para resguardar as vidas desses servidores e proporcionar-lhes melhores condições”, disse Palareti.

Condições
Pelo projeto, as duas operações de crédito (empréstimo pessoal e financiamento habitacional) estarão limitadas a 20 vezes e a 50 vezes a remuneração bruta do servidor, respectivamente. A prestação mensal não poderá ultrapassar 30% da remuneração bruta, nos dois casos.

A taxa de juros para as duas operações é de até 10% ao ano.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »