11/11/2020 às 13h08min - Atualizada em 11/11/2020 às 13h07min

Santos minimiza aglomeração em aeroporto antes de surto de covid-19: "Contato rápido"

Lucas Musetti Perazolli - Santos,SP
Gazeta Esportiva

Santos minimizou a aglomeração no Aeroporto de Guarulhos na semana passada, no embarque para Fortaleza, onde o Peixe perdeu para o Ceará e foi eliminado nas oitavas de final da Copa do Brasil.

O "fato novo" pode ter influência no surto de covid-19 no Alvinegro. O superintendente de esportes Felipe Ximenes e o coordenador médico Ricardo Galotti, porém, evitaram "ilações".

"Jogamos contra o Ceará e dois dias depois dois jogadores deles testaram positivo para covid-19. Contato físico do Ceará com os nossos foi até maior, mas também não garante que foi lá e muito menos no aeroporto, com contato rápido. É difícil fazer afirmação a respeito disso. Esse tipo de situação, ilações sobre futuro, são perigosas. Passado é mais complicado ainda. Depois da casa ser assaltada fala-se em grade. Contato ali foi breve, rápido, difícil a gente colocar uma situação como essa. Controlar uma torcida que quer se manifestar não serve muito para o que podemos pensar daqui para frente. Torcida do São Paulo fez grande manifestação agora para o jogo contra o Flamengo. A gente viaja em avião com mais de 100 pessoas, não sabemos de todos os contatos", disse Felipe Ximenes.

"Não dá para afirmar, tanto é que o feminino não teve contato com a torcida e se contaminou. Pensamos mais numa contaminação comunitária", afirmou Galotti.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »