30/01/2020 às 11h53min - Atualizada em 30/01/2020 às 11h53min

Menino de 5 anos baleado na cabeça permanece em estado grave

Criança estava com o pai em um jogo de futebol no Engenho Novo, na Zona Norte do Rio

Agência Brasil
Ofluminense

Permanece grave o estado de saúde do menino Arthur Gonçalves Monteiro, de 5 anos, baleado na cabeça na noite de segunda-feira (27), quando estava com o pai em um jogo de futebol no Morro São João, no Engenho Novo, zona norte da cidade.

Segundo a Secretaria de Estado de Saúde, ele permanece internado na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) pediátrica do Hospital Estadual Getúlio Vargas, na Penha, também na zona norte, para onde foi transferido ontem, depois de passar por cirurgia no Hospital Municipal Salgado Filho.

Houve troca de tiros entre policiais e criminosos no momento em que Arthur foi atingido. Segundo a Polícia Civil, as investigações seguem a cargo da 25ª DP, com a realização de diligências.

Nos próximos dias a Polícia Civil fará uma perícia no local onde o pequeno foi atingido. A informação é do delegado Alan Luxardo, titular da 25ª DP (Engenho Novo), que está à frente das investigações. Mas a perícia na quadra onde Arthur jogava futebol só acontecerá quando o pai da criança, o segurança Paulo Roberto Esperança, de 37 anos, tiver condições de participar. 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »