10/12/2019 às 12h26min - Atualizada em 10/12/2019 às 12h26min

Câmeras de segurança flagram execução de assessor de vereador

Garupa desce da moto e efetua quatro disparos na direção de Cristiano Otávio Jesus dos Santos

Vítor d Avila
Ofluminense

Câmeras de segurança flagraram o momento em que Cristiano Otávio Jesus dos Santos, assessor do vereador de Itaboraí Enéas Pereira (PMN), é assassinado. A ação criminosa aconteceu na tarde do dia 25 de novembro, às 18h38, mas as imagens só foram divulgadas pela Polícia Civil nesta terça-feira (10).

Na gravação, é possível notar que Cristiano (de camiseta roxa e bermuda verde) e um rapaz, que não teve sua identidade revelada, chegam de carro à Rua Francisco de Assis Fernando de Abreu, altura do número 917, em Apollo III, São Gonçalo. Os dois aparentam tranquilidade e observam alguns detalhes no automóvel antes de entrar no imóvel.

No entanto, no momento em que ambos estão preparados para entrar, dois homens em uma moto, modelo Honda XRE300 azul e branca se aproximam. Os criminosos vestem calça e casacos de cor preta e não tiram os capacetes. Em ação que dura segundos, o garupa desce e efetua quatro disparos na direção de Cristiano, que cai desacordado e morre no local.

O acompanhante do assessor presenciou toda a cena sem ser atacado. Após os executores fugirem do local, o rapaz que estava com Cristiano entra no imóvel, aparentemente para pedir ajuda. Em seguida, um outro homem, também não identificado, sai junto com a testemunha e se depara com o corpo da vítima na calçada.

O caso está sendo investigado pela Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo, Itaboraí e Maricá (DHNSG), que tem o crime de execução como principal linha de investigação. Até o momento, a especializada não divulgou se há possíveis suspeitos para o crime, nem qual seria a motivação. No entanto, nenhuma possibilidade é descartada.

Memória - Na tarde de 25 de novembro, policiais do 7º BPM (São Gonçalo) foram acionados para atender à uma ocorrência de um homem que havia sido baleado com diversos disparos no Apollo III. Quando chegaram no local, os agentes confirmaram se tratar de Cristiano Otávio. A DHNSG foi acionada e realizou a perícia no local. O corpo foi removido ao Instituto Médico Legal (IML) da cidade, no bairro Tribobó.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »